Facebook Twitter Google +1     Admin

Revista Motricidade

20110609015555-vasconcelo.gif

Algunos de los resúmenes del número de la revista.

En la foto su director Prof. Dr. José Branco Vasconcelo Raposo, a quien admiro por su erudición y valores.

 Análise do efeito de diferentes intensidades e intervalos de recuperação na percepção subjetiva de atletas

Analysis of the effect of different intensities and rest interval on the perceived exertion of athletes

M.S. Silva, T.S. Silva, M.R. Mota, V.O. Damasceno, F. Martins da Silva

RESUMO

A pesquisa analisou os efeitos de diferentes intensidades e diferentes intervalos de recuperação do treinamento resistido na percepção subjetiva de esforço (PSE) em atletas jovens. Foram selecionados 23 adolescentes, homens, com 17.06 ± .73 anos de idade, 68.01 ± 8.09 kg massa corporal e 173.65 ± 5.61 cm de estatura. Submetidos à adequação de cargas (5 RM, 10 RM ou 15 RM) e intervalo de recuperação (30, 60 ou 120 s), onde ao final de cada série foi pedido para apontar o esforço percebido na escala OMNI-RES. A estatística utilizada foi a two-way ANOVA. As diferenças significativas foram analisadas pelo post-hoc de Bonferroni. Na PSE não foram encontradas diferenças significativas entre as intensidades nos intervalos de recuperação avaliados. Com relação aos intervalos com a mesma intensidade, verificou-se diferença entre 15 RM e intervalo de 120 e 60 s com 15 RM e intervalo de 30 s. Para as intensidades de 10 e 5 RM, apenas o intervalo de 120 s apresentou diferença em relação a 5 e 10 RM com intervalo de 30 s demonstrou que entre as intensidades e intervalos de recuperação ocorreram diferenças significativas. Conclui-se que quanto menor o intervalo de recuperação maior serão os níveis de fadiga, independente do número de repetições executadas em todas as intensidades, podendo inferir que a PSE mostrou-se sensível a diminuição do intervalo de recuperação

Palavras-chave: treinamento resistido, intervalos de recuperação, PSE, adolescents

ABSTRACT

The research examined the effects of different intensities and different rest intervals of strength training on the rating of perceived exertion (RPE) in young athletes. Participated in the study 23 young men, aged 17.06 ± .73 years, 68.01 ± 8.09 kg of body mass, and 173.65 ± 5.61 cm of height. They were submitted to the appropriateness of charges (5 RM, 10 RM or 15 RM) and rest intervals (30, 60 or 120 s) and then asked to point perceived exertion according to the OMNI-RES scale. A two-way ANOVA was used and significant differences were analyzed by post-hoc Bonferroni. For RPE there were no significant differences between the intensities in the recovery intervals evaluated. For intervals with the same intensity, there were differences between 15 RM and range of 120 and 60 s with 15 RM and 30 s intervals. Intensities of 10 and 5 RM, in the range of 120 s showed significant differences. It follows that the smaller the rest interval the greater the levels of fatigue regardless of the number of repetitions performed in all intensities and it may be inferred that the RPE was sensitive to reduction in the rest interval.

Keywords: resistance exercise, rest interval, RPE, adolescents

Motricidade 2011, vol. 7, n. 1, pp. 3-12

O conhecimento tático declarativo e processual em jogadores de futebol de diferentes escalões

Declarative and procedural tactical knowledge in soccer players of different ages

D.S. Giacomini, V.O. Soares, H.F. Santos, C.J. Matias, P.J. Greco

RESUMO

A qualidade na prestação esportiva, nos jogos esportivos coletivos, relaciona-se com as capacidades cognitivas, especificamente com o conhecimento. Esse estudo verificou a associação entre o conhecimento tático processual convergente e divergente, assim como as associações entre o conhecimento tático processual e declarativo. Participaram do estudo 221 jogadores de futebol de campo, do sexo masculino, do escalão sub-14, sub-15 e sub-17. O conhecimento tático processual foi avaliado através da aplicação do teste KORA-OO no parâmetro “oferecer-se” e “orientar-se”. O conhecimento tático declarativo foi avaliado através de cenas-situação do futebol. Os resultados indicaram uma alta associação entre o conhecimento tático processual, convergente e divergente, geral e especifico por escalão, além de uma baixa associação entre o conhecimento tático declarativo e processual (convergente e divergente). Esses dados suportam a idéia de que os conhecimentos progridem serialmente do declarativo ao processual.

Palavras-chave: conhecimento, tomada de decisão, escalões, futebol

ABSTRACT

The quality of the performance on collective games is related to cognitive capacities, specifically to knowledge. This study verified the association between convergent and divergent procedural tactical knowledge as well as the association between declarative and procedural tactical knowledge. Participated in this study 221 male soccer players of U-14, U-15 and U-17 categories. The procedural tactical knowledge was assessed by KORA-OO on the parameters “offer yourself” and "self-orientation”. The declarative tactical knowledge was assessed by soccer videos. Results revealed a clear association between convergent and divergent procedural tactical knowledge in general and per category and a low association between procedural (convergent and divergent) and declarative tactical knowledge. These data support the idea that knowledge progresses from declarative to procedural.

Keywords: knowledge, making decision, age, soccer

Motricidade 2011, vol. 7, n. 1, pp. 43-53

Auto-eficácia, competência física e auto-estima em praticantes de basquetebol com e sem deficiência física

Self-efficacy, physical competence and self-esteem in basketball participants with and without physical disability

J.P. Ferreira, P.M. Gaspar, M.J. Campos, C.M. Senra

RESUMO

O presente estudo analisou a hipotética relação hierárquica entre eficácia percepcionada, competência física e auto-estima global em basquetebolistas, bem como eventuais diferenças entre sexos e entre atletas com e sem deficiência. Analisámos também a influência do tempo de prática e da frequência de prática nos níveis de eficácia, de competência e de auto-estima global, em cada um dos grupos estudados. Os participantes foram 193 basquetebolistas, 59 do sexo masculino com deficiência física (32.80 ± 11.64 anos), 80 do sexo masculino sem deficiência física (21.48 ± 4.69 anos) e 54 do sexo feminino sem deficiência física (22.91 ± 3.11 anos), envolvidos em competições de nível nacional. Os resultados obtidos suportam a existência de uma organização hierárquica entre a eficácia percepcionada, a competência física avaliada através das autopercepções no domínio físico e a auto-estima global. Foi igualmente confirmada a existência da autovalorização física como variável moderadora ou preditora entre as percepções da base e o topo do modelo, ou seja, entre as percepções no domínio físico e a auto-estima global. Esta relação apresenta um sentido negativo, ou seja, percepções fortes de competência e de eficácia não geram sentimentos fortes de confiança e de satisfação individual em outros contextos do dia-a-dia.

Palavras-chave: auto-eficácia, confiança física, auto-estima, desporto adaptado

ABSTRACT

The purpose of this study was to assess the hypothetical hierarchical relationship between self-efficacy, physical self and global self-esteem, in groups with and without physical disability as well as gender and condition between groups. A second purpose was to assess the influence of independent variables, such as time and frequency of sport involvement, on self-efficacy, physical competence and global self-esteem for each of the groups studied. Participants were 193 basketball players, 59 male athletes with disability (mean age 32.80 ± 11.64), 80 male athletes without disability (mean age 21.48 ± 4.69), and 54 female athletes without disability (mean age 22.91 ± 3.11), all participating in Portuguese national competitions. Results showed evidence of a hierarchical organization among self-efficacy, physical self-perceptions and global self-esteem. Physical self-worth was also confirmed as a mediator between self-perceptions at the base of the model and feelings in the apex, i.e., between physical self-perceptions and global self-esteem. However, this relationship was found to be a negative one. Strong perceptions of self-efficacy and physical competence seem to generate weaker global feelings of self-confidence and personal satisfaction in everyday life contexts.

Keywords: self-efficacy, physical confidence, self-esteem, disability sport

Motricidade 2011, vol. 7, n. 1, pp. 55-68

Sistema de avaliação táctica no Futebol (FUT-SAT): Desenvolvimento e validação preliminar

System of tactical assessment in Soccer (FUT-SAT): Development and preliminary validation

I.T. Costa, J. Garganta, P.J. Greco, I. Mesquita, J. Maia

RESUMO

 É objectivo do presente artigo apresentar os procedimentos utilizados no desenvolvimento e estabelecimento da validade de um sistema de avaliação táctica no Futebol, assim como destacar as vantagens deste sistema em relação a outros instrumentos de avaliação do comportamento táctico disponíveis na literatura. Estes procedimentos tomaram em consideração as cinco perspectivas de noção de validade que valorizam os métodos heurísticos e os comportamentos desempenhados em jogo. Desta forma, o processo de validação focou-se em quatro pontos: i) grau de aceitabilidade e razoabilidade do teste de campo entre os jogadores; ii) análise e avaliação de peritos em relação aos conteúdos do instrumento de observação; iii) análise e avaliação dos treinadores em relação ao desempenho dos jogadores no teste de campo; e iv) fiabilidade das observações dos avaliadores. Os resultados mostraram valores superiores a .63 para a correlação entre as avaliações dos treinadores e do sistema. Os jogadores que realizaram o teste de campo concordaram com as suas demandas físicas e configurações espaciais e normativas. Todos os peritos aprovaram as categorias e as variáveis contidas no sistema. As fiabilidades intra e inter-avaliadores apresentaram valores superiores a .79. Como tal, é plausível concluir que as medidas utilizadas no sistema são válidas para o contexto do Futebol e as suas observações são fiáveis para a avaliação do comportamento táctico dos jogadores de Futebol.

Palavras-chave: validação, futebol, táctica, avaliação, princípios tácticos

ABSTRACT

The purpose of this paper was to report the development and preliminary validation of tactical assessment system in Soccer and highlight its advantages. The validation process followed five perspectives of the concept of validity that consider the value of heuristic methods and the importance of the description of behavior performed in playing situations. Thus, the process of validation was focused on four points: i) acceptability and reasonableness of the test perceived by players; ii) analysis of content of assessment tool through a panel of experts; iii) potential of the assessment tool to discriminate the quality of the performance of players; iv) observation reliability. The results displayed values higher than 0.63 for correlation between the evaluations of coaches and the system. It shows the potential of this system to distinguish the performances of players based on the evaluations of coaches. The players who performed the field test agreed with its physical demands and spatial and normative configurations. All experts endorsed the categories and variables of this system. The reliabilities showed values higher than 0.79 for intra and inter-observers. Therefore, it is possible to conclude that the system is valid and reliable for the assessment of the tactical behavior of soccer players.

Keywords: validation, soccer, tactics, evaluation, tactical principles

08/06/2011 20:55 ucha #. sin tema

Comentarios » Ir a formulario

No hay comentarios

Añadir un comentario



No será mostrado.





La Bitácora del Dr. Ucha

Temas

Archivos

Enlaces


Blog creado con Blogia. Esta web utiliza cookies para adaptarse a tus preferencias y analítica web.
Blogia apoya a la Fundación Josep Carreras.

Contrato Coloriuris